Existem desde 2002 (comunidade Nª Srª da Paz) e 2005 (comunidade Nª Srª dos Remédios) Nº de elementos do grupo: 28(25 cantores e intrumentistas, 3 regentes)

O coro paroquial existe desde meados dos anos 80 e é constituído por dois grupos
mais pequenos que fazem a animação litúrgica das duas comunidades, Nossa Senhora Remédios e Nossa Senhora da Paz.

Atualmente, é formado por um grupo de 12 elementos e ingressa na comunidade de Nossa Senhora dos Remédios que se considera como um coro heterogéneo. Constituído, atualmente, por casais, crianças e adolescentes, jovens e algumas pessoas de mais idade, representa várias faixas etárias, experiências e expectativas diferentes. Este novo grupo começou a formar-se há cerca de 6/7 anos, após um período em que o coro anterior se começou a dispersar, em que algumas pessoas se mudaram para outros locais e seguiram a sua vida de forma diferente.
Após algumas semanas em que existiam apenas 2 ou 3 pessoas no coro, foi feito o apelo à comunidade para quem pudesse e desejasse integrasse o nosso grupo. E, desde então, têm vindo a integrar algumas pessoas, jovens casais, crianças e jovens que hoje em dia dão vida às celebrações dominicais. E é este o grande objetivo do grupo, preparar e animar as celebrações dominicais da comunidade. Mas, quando somos solicitados, colaboramos com noivos e pais de crianças que vão casar ou preparam o batismo. Colaboramos também com a catequese e nas atividades dos jovens e da paróquia.

Por sermos um grupo heterogéneo passamos por dificuldades que têm a ver com conseguir gerir as expetativas, as opiniões e até os horários e disponibilidades de todos.

O Grupo Coral do Bairro da Fraternidade foi criado em 2002 com o objectivo de animar a celebração eucarística dominical da comunidade do Bairro da Fraternidade, inicialmente sob a orientação de um seminarista que apoiava a Paróquia. Após a sua saída passou a ser orientado por duas jovens da comunidade – Mariana Silva e Cláudia Silva.

O instrumento ulizado na animação das eucarístias é o orgão.

O grupo ensaia regularmente uma vez por semana. Há cerca de três anos foi decidido interromper os ensaios no mês de Agosto, sendo retomados em meados de Setembro. Durante esse período as celebrações continuam, a ser animadas pelo grupo, mas sem o acompanhamento do instrumento.
Atualmente é composto por 13 elementos: 11 cantores e 2 músicos/regentes, com uma média de idades acima dos 50 anos.

Apesar da motivação e do empenho dos seus elementos, o grupo enfrenta algumas dificuldades, nomeadamente:
– Falta de novos elementos – a dificuldade na revitalização do grupo faz com que haja alguma saturação e criação de rotinas, e complica a introdução de novos cânticos;
– Falta de formação musical da maioria dos elementos – este aspecto implica um esforço maior na aprendizagem dos cânticos e limita, de uma forma geral, a melhoria do desempenho global do grupo.

Durante o ano de 2012/2013, o Grupo Coral animou todas as celebrações comunitárias, disponibilizando-se para a adaptação do repertório proposta pelos grupos de catequese para a animação das suas festas. Além disto, o grupo esteve envolvido na dinamização de todas as celebrações paroquiais, em conjunto com o coro da comunidade da Bobadela, tendo respondido com entusiasmo e dedicação a todos os desafios colocados.

O grupo esteve também presente numa formação vicarial para coros, que decorreu em Maio em Sacavém.